• Calendario
  •   São Paulo,    

Congregação

Fundadoras Maria e Giustina Schiapparoli


Irmã Maria e Irmã Giustina Schiapparoli nasceram em Castel San Giovanni, Província de Piacenza - Itália. Eram filhas de Clemente Schiapparoli e de Marianna Vittoria Pássera.

Seus pais eram de família de classe média e procuraram dar-lhes adequada educação humana e cristã.

Irmãs Beneditinas da Divina ProvidênciaCom o falecimento da mãe Marianna, em 1824, o pai Clemente matriculou-as no internato da escola fundada por Madre Benedetta Cambiagio Frassinello, na cidade de Pavia, onde elas obtiveram o diploma de professora.

Formadas, exerceram o magistério em Pavia e em Ronco Scrivia.

Em 1847, Maria e Giustina foram para Voghera, para onde se mudaram, a fim de cuidarem de sua irmã que havia ficado cega e do pai que ficara viúvo pela segunda vez.

Voghera era uma pequena cidade agrícola e nela reinavam o analfabetismo, a ignorância, a miséria, a imoralidade, conseqüências de uma grande crise econômica, causada pela guerra.

As jovens da classe pobre viviam pedindo esmolas, abandonadas a si mesmas e desamparadas pela própria família.

Além disso, muitas epidemias e pestes haviam feito centenas de crianças órfãs.
Foi então que Deus suscitou no coração das irmãs Maria e Giustina Schiapparoli o grande ideal de fazer algo para amenizar tanta miséria e tanta dor.

Decidiram, então, dedicar-se totalmente a Deus no acolher, no assistir e no educar essas meninas órfãs abandonadas, desamparadas, marginalizadas ou rejeitadas pelos pais.

Em 1849, elas fundaram a Congregação das Irmãs Beneditinas da Divina Providência.

Abertas ao Espírito do Senhor, deixando-se conduzir pela Divina Providência, elas procuram desenvolver uma obra que atendesse as necessidades urgentes do local e da época, com espírito de humildade e simplicidade de vida.

A história de Maria e Giustina Schiapparoli é muito simples: na doação e no sacrifício dessas duas irmãs nasceu, apoiado na confiança na Divina Providência, o Instituto das Irmãs Beneditinas da Divina Providência.

Visite o site da Congregação das Irmãs Beneditinas da Divina Providência.


Maria e Giustina escolheram São Bento como Pai e Protetor da Congregação, vivendo o seu legado - Ora et Labora (reza e trabalha).